2022 World Final

17-21 October, Tenerife (Spain)

O World Corporate Golf Challenge dá as Boas Vindas à Fundação Luis Figo, este ano com um novo projecto em mãos.

Desde a sua criação, a Fundação Luís Figo apoiou financeiramente a recuperação e construção de Casas que visassem o acolhimento de crianças necessitadas, como foi o caso da Casa Ronald McDonald, a Casa das Cores e a Casa para os Refugiados.

Com o seu envolvimento nesses projetos que davam resposta a uma necessidade real existente na nossa sociedade, nasceu o desejo de ter a sua própria Casa, onde pudesse acolher crianças e jovens afastados das famílias, para garantir a sua segurança e bem-estar, fortalecer estruturas familiares nos meios mais desfavorecidos, e, promover o desenvolvimento infantil, quer a nível motor, emocional, sensorial e cognitivo.

Assim, e fruto da sua motivação intrínseca, a Fundação Luís Figo lançou à EMDIIP (Equipa Móvel para o Desenvolvimento Infantil e Intervenção Precoce) o desafio de projetar e gerir um espaço – em grande parte semelhante à projeção também existente na EMDIIP – de apoio à infância e Juventude, pois esta IPSS possui o know-how que a Fundação Luís Figo considera essencial para tornar este espaço uma realidade.

Desta forma, a sinergia entre as duas entidades, permitiria à Fundação Luís Figo a requalificação dum equipamento a “possuir” pela EMDIIP, enquanto esta se responsabilizaria pelo planeamento das respostas sociais, e pela gestão do funcionamento do mesmo.

Com a possibilidade de poder associar-se a estas duas entidades, cruzando com elas o seu sentido de responsabilidade social, a Câmara Municipal de Oeiras, contribuiu financeiramente e cedeu, em regime de comodato, a antiga Escola Básica Sofia de Carvalho, situada em Algés, com cerca de 2000 m2 de construção, para ver nascer ali e num só espaço, uma unidade de Apoio Integrado à Família, Infância e Juventude, que terá o nome de Casa Fundação Luís Figo, por ser esta Fundação o motor deste ambicioso projeto, com a doação de meio milhão de euros.

A Casa Fundação Luís Figo surge então como uma resposta inovadora a nível nacional, que agrupará, num único espaço físico, as seguintes valências: Lar de Infância e Juventude: 12-18 anos – 30 jovens Centro de Apoio Familiar e Acompanhamento Parental – 100 famílias Centro de Atividades de Tempos Livres – 40 crianças Centro de Investigação e Avaliação: 0-18 anos – 250 crianças.

A Fundação Luís Figo assume assim o compromisso de potencializar a imagem desta Casa e das entidades que com ela estão neste projeto, a EMDIIP e a Câmara Municipal de Oeiras; estabelecer contactos para a angariação de patrocinadores e mecenas que contribuam para a sua sustentabilidade e participar ativamente nas ações de divulgação das suas atividades.

Para a Fundação Luís Figo, esta Casa representa um grande desafio, pois vem ao encontro do seu maior objetivo e sempre presente, que é continuar a realizar um trabalho criterioso, consistente e credível, com base nas premissas de solidariedade, igualdade, e criação de oportunidades para as crianças e jovens que mais precisam.

Facebook
LinkedIn
Twitter
WhatsApp
Email